A DIMENSÃO JURÍDICO-INSTITUCIONAL DA POLÍTICA PÚBLICA DA REGULARIZAÇÃO FUNDIÁRIA URBANA DE INTERESSE SOCIAL E A BUSCA DE SUA EFETIVIDADE

Rafael Taranto Malheiros, Clarice Seixas Duarte

Resumo


A Constituição Federal de 1988 consagra o direito social à moradia, aí positivado em face da marcha desordenada que se deu, no país, do campo para as cidades, principalmente no século XX, que levou à inevitável degradação da urbe brasileira; apesar da previsão, o problema persiste, em escala nacional. Paralelamente, e diante da escassez de recursos públicos para prover o direito subjetivo a um lugar para morar, o que há são os deveres estatais de criar políticas públicas habitacionais e de prover recursos para tanto, decisões eminentemente políticas. Assim, tema cuja abrangência não se circunscreve, na busca de sua efetividade jurídico-social, a componentes jurídico-legais, para que seja adequadamente compreendido, demanda estratégia diversa daquela utilizada para questões de Direito tradicionais. Nessa investigação, utilizar-se-á o “Quadro de Referência de Políticas Públicas” (Bucci) para análise de uma das políticas habitacionais, qual seja, a da regularização fundiária urbana de interesse social e sua novel conformação, dada pela Lei nº 13.465, de 2017, e como o Poder Judiciário pode atuar sobre seu desenho institucional, o que afasta, pois, a presente pesquisa, da tradicional abordagem de questões ligadas ao mínimo existencial/reserva do possível.

Palavras-chave


Moradia; Políticas públicas; Regularização fundiária de interesse social; Regulamentação administrativa; Quadro de referência.

Texto completo:

PDF

Referências


ALFONSIN, Betânia de Moraes. O significado do estatuto da cidade para os processos de regularização fundiária no Brasil. In: ROLNIK, Raquel et. al. Regularização fundiária plena. Referências conceituais. Regularização fundiária sustentável – conceitos e diretrizes. Brasília: Ministério das Cidades, p. 68-99, 2007. Disponível em . Acesso em 25 abr. 2017.

BRASIL. Ministério das Cidades. Secretaria Nacional de Acessibilidade e Programas Urbanos. Departamento de Assuntos Fundiários Urbanos. Regularização fundiária urbana – MP 759/2016. 2017. Disponível em: . Acesso em 15 ago. 2018.

BUCCI, Maria Paula Dallari. Quadro de referência de uma política pública. Primeiras linhas de uma visão jurídico-institucional. 2015. Disponível em < https://www.researchgate.net/profile/Maria_Paula_Bucci/publication/301776630_Quadro_de_referencia_de_uma_politica_publica/links/57275b0608aee491cb4141bb.pdf >. Acesso em 7 ago. 2019.

BUCCI, Maria Paula Dallari. Pesquisa em direito e políticas públicas. In: QUEIROZ, Rafael Mafei Rabelo; e FEFERBAUM, Marina (Orgs.). Pesquisa em direito: métodos, técnicas e abordagens. São Paulo: Saraiva, 2019 (no prelo).

CARVALHO, Afrânio de. Registro de imóveis. 3 ed. Rio de Janeiro: Forense, 1976.

CONSELHO DA JUSTIÇA FEDERAL. Enunciado nº 492. Disponível em < http://www.cjf.jus.br/enunciados/enunciado/561 >. Acesso em 6 nov. 2018.

CONTROLADORIA-GERAL DA UNIÃO. Portal da Transparência. 2019. Acesso em 7 ago. 2019.

DI PIETRO, Maria Sylvia Zanella. Direito administrativo. 30 ed. rev., atual. e ampl. Rio de Janeiro: Forense, 2017.

D’OTTAVIANO, Maria Camila Loffredo; SILVA, Sérgio Luís Quaglia. Regularização fundiária no Brasil: velhas e novas questões. Planejamento e Políticas Públicas, v. 32, p. 201-229, 2009. Disponível em: . Acesso em: 11 fev. 2018.

FERNANDES, Edésio. Regularização de assentamentos informais na América Latina. Foco em políticas fundiárias. Lincoln Institute of Land Policy, 2011. Disponível em: . Acesso em: 23 fev. 2018.

FUKASSAWA, Fernando. Regularização fundiária urbana: lei nº 11.977/2009. São Paulo: Saraiva, 2013.

FUNDAÇÃO JOÃO PINHEIRO. Déficit habitacional no Brasil 2015. Belo Horizonte: FJP, 2018. Disponível em: . Acesso em: 02 jul. 2018.

GONSALVES, Andressa Beschorner; OLIVEIRA, Patrícia Outeiral de. Dos institutos jurídicos da posse e da propriedade privada e a regularização do parcelamento e loteamento irregular ou clandestino do solo com base no provimento nº 21/2011. Revista Direito, Cultura e Cidadania, v. 7, n. 1, 2017, p. 228-263.

HIRONAKA, Giselda Maria Fernandes Novaes. Tendências do Direito Civil no século XXI. FIUZA, César; SÁ, Maria de Fátima Freire de; NAVES, Bruno Torquato de Oliveira (Coords.). Direito civil: atualidades. Belo Horizonte: Del Rey, 2003.

LUFT, Rosangela Marina. Regularização fundiária de interesse social: a coordenação entre as políticas de urbanismo e de habitação social no Brasil à luz de experiências do direito francês. Tese em Cotutela (Doutorado). 2014. Universidade do Estado do Rio de Janeiro, Faculdade de Direito. Université Paris 1, Panthéon-Sorbonne, Faculté de Droit, 2014. Disponível em: . Acesso em 6 abr. 2017.

MALHEIROS, Rafael Taranto. O procedimento administrativo da regularização fundiária urbana de interesse social como garantia do direito à moradia. Dissertação (Mestrado em Direito Político e Econômico). 2019. Orientadora: Clarice Seixas Duarte. Universidade Presbiteriana Mackenzie, São Paulo, 2019.

MELO, Marcelo Augusto Santana de. O direito à moradia e o papel do registro de imóveis na regularização fundiária. Revista de direito imobiliário, v. 69, 2010, p. 09-48.

MINISTÉRIO PÚBLICO FEDERAL. Petição na Ação Direta de Inconstitucionalidade nº 5.771/DF – Distrito Federal, 2017. Disponível em: < http://www.mpf.mp.br/pgr/documentos/ADI5771regularizaofundiria.pdf >. Acesso em: 15 mar. 2018.

PERLINGIERI, Pietro. O direito civil na legalidade constitucional. Trad. Maria Cristina de Cicco. Rio de Janeiro: Renovar, 2008.

PINTO, Victor Carvalho. Mitos e verdades sobre a nova lei da regularização fundiária urbana. 2017. Disponível em: < https://caosplanejado.com/mitos-e-verdades-sobre-a-nova-lei-da-regularizacao-fundiaria-urbana/ >. Acesso em: 17 mar. 2018.

RIBEIRO, Luís Paulo Aliende. Regulação da função pública notarial e de registro. São Paulo: Saraiva, 2009.

SALLES, Venício. Regularização fundiária. In: ROLNIK, Raquel et. al. Regularização fundiária plena: referências conceituais. Brasília: Ministério das Cidades, 2007. Disponível em: . Acesso em: 2 mar. 2018.

SAMORA, Patricia Rodrigues; HIRATA, Marcia Saeko. Habitação social e requalificação de áreas centrais após dez anos das ZEIS 3 de São Paulo. Anais do XV Encontro Nacional da ANPUR: Desenvolvimento, Planejamento e Governança. Recife, n. 689, p. 01-17, 2013.

SARLET, Ingo Wolfgang. Direito fundamental à moradia na constituição. Revista eletrônica sobre a reforma do Estado. Salvador, n. 20, 2009. Disponível em: . Acesso em: 12 fev. 2018.

SOTO, Hernando de. O mistério do capital - Por que o capitalismo dá certo nos países desenvolvidos e fracassa no resto do mundo. Trad. Zaida Maldonado. Rio de Janeiro: Record, 2001.




DOI: https://doi.org/10.21783/rei.v5i3.441

Métricas do artigo

Carregando Métricas ...

Metrics powered by PLOS ALM

Apontamentos

  • Não há apontamentos.




Direitos autorais 2019 Rafael Taranto Malheiros, Clarice Seixas Duarte

Licença Creative Commons
Esta obra está licenciada sob uma licença Creative Commons Atribuição 4.0 Internacional.

                                                                                                                     

Desenvolvido por:

Logomarca da Lepidus Tecnologia